Notícias

Bradesco (BBDC4) decepciona mais uma vez: lucro do 4T23 fica muito abaixo da expectativa do mercado e cai 21% em 2023

Lucro líquido recorrente do Bradesco no 4T23 foi de R$ 2,878 bilhões, com rentabilidade (ROE) de 10%; veja os números

Logo do Bradesco

Logo do Bradesco – Imagem: Shutterstock

Marcelo Noronha, o novo CEO do Bradesco (BBDC4), vai ter muito trabalho. Na primeira divulgação de resultados sob o novo comando, o banco registrou lucro líquido recorrente de R$ 2,878 bilhões no quarto trimestre de 2023.

Trata-se de uma alta de 80,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Mas a base de comparação era bem mais fraca em razão das provisões que o banco fez para perdas com o calote da Americanas.

De fato, o resultado do quarto trimestre veio bem abaixo das projeções dos analistas, que apontavam para um lucro de R$ 4,622 bilhões, de acordo com as estimativas que o Seu Dinheiro compilou.

E incluindo itens que o banco considerou como não-recorrentes, o lucro contábil do quarto trimestre foi ainda menor, de R$ 1,7 bilhão.

O resultado mais fraco derrubou a rentabilidade (ROE, na sigla em inglês) do Bradesco no quarto trimestre para 10%, novamente a menor entre os grandes bancos.

Enquanto isso, em 2023 como um todo, o lucro líquido recorrente do Bradesco foi de R$ 16,297 bilhões, uma queda anual de 21,2%.

Além dos resultados, os investidores devem reagir ao novo plano estratégico que o novo CEO do Bradesco anuncia ainda hoje.

Bradesco (BBDC4): crédito parado, inadimplência em queda

As principais linhas do resultado do quarto trimestre do Bradesco mostram que o processo de reestruturação que o novo CEO vai comandar já teve início.

O banco praticamente paralisou as operações de crédito e encerrou o ano com uma carteira de R$ 877 bilhões, estável no trimestre e 1,6% menor que no fim de 2022.

Desse modo, a margem financeira do Bradesco apresentou redução de 3,3% em relação ao quarto trimestre de 2022. A linha do resultado que inclui as receitas com crédito menos os custos de captação com clientes somou R$ 16,128 bilhões.

A boa notícia é que o índice de inadimplência enfim mostrou reação e encerrou dezembro em 5,1%. Trata-se de uma redução de 0,5 ponto percentual no trimestre, mas ainda bem acima do patamar de 4,3% de dezembro de 2022.

Os números, vale lembrar, não consideram o calote da Americanas, que já conta com 100% de provisão.

De todo modo, as despesas com provisões para calotes do Bradesco seguem em níveis altos e atingiram R$ 10,524 bilhões no quarto trimestre.

Apesar da queda de 29,3% em relação aos últimos três meses de 2022 (graças ao efeito Americanas), as provisões deram um salto de 14,5% na comparação trimestral.

Tarifas e despesas

O Bradesco também segue lutando para recompor as receitas de prestação de serviços. A cobrança de tarifas rendeu R$ 9,028 bilhões ao banco, uma queda de 2,4% em relação ao quarto trimestre de 2022.

As despesas operacionais, por outro lado, avançaram 10,7% nos últimos três meses do ano e atingiram R$ 14,935 bilhões.

O que evitou um resultado ainda pior do Bradesco foi mais uma vez a operação de seguros, cujo resultado cresceu 10,3%, para R$ 4,745 bilhões.

Bradesco: projeções para 2024

Por fim, o Bradesco divulgou as projeções (guidance) para 2024 junto com o balanço. Os números mostram uma perspectiva mais animadora para os negócios do bancão. Confira a seguir:

  • Carteira de Crédito Expandida: crescimento de 7% a 11%
  • Margem Financeira Total: crescimento de 3% a 7%
  • Receitas de Prestação de Serviços: crescimento de 2% a 6%
  • Despesas Operacionais (Despesas de Pessoal + Administrativas + Outras): crescimento de 5% a 9%
  • Resultado das Operações de Seguros, Previdência e Capitalização: crescimento de 4% a 8%
  • PDD Expandida: de R$ 35 bilhões a R$ 39 bilhões

FONTE: SEU DINHEIRO

Veja outras notícias

Advogada alerta para regras de transição

Após a Reforma da Previdenciária de 2019, que à época retirou direitos fundamentais de mais de 100 milhões de brasileiros(as, quem já estava no mercado de trabalho e perto de se aposentar pode utilizar uma das quatro Regras de Transição para se aposentar, como explica...

Funcef ataca democracia ao descumprir edital de eleição

Decisão temerária e sem transparência para reabrir inscrições de candidatos macula o processo A Fundação dos Economiários Federais (Funcef), que administra os fundos de previdência das empregadas e empregados da Caixa Econômica Federal, sem apresentar qualquer...

COE Santander conquista avanços para os Gerentes Empresas

Processo de negociação sobre Multicanalidade Santander ainda vai continuar para beneficiar todos os trabalhadores da rede de agências A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander saiu da reunião com a direção do banco, nesta quinta-feira (22), com...