Notícias

DELEGADOS SINDICAIS DEBATEM SOBRE REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Atividade do projeto Diálogos para Ação reuniu 175 delegados e delegadas sindicais, na manhã desta sexta-feira, na Casa dos Bancários

A preocupação com o futuro da Previdência no país foi tema do debate promovido pela Federação dos Bancários RS e SindBancários nesta sexta-feira, em Porto Alegre. A atividade integra o projeto Diálogos para Ação, uma iniciativa do SindBancários – que agora agrega a parceria da Feeb/RS – voltada para a formação de dirigentes e delegados sindicais de todo o Estado.

Na abertura do debate: Os trabalhadores e a Reforma da Previdência, o presidente do Sindbancários, Juberlei Baes Bacelo destacou que os trabalhadores precisam compreender as mudanças ocorridas na organização do trabalho nas últimas décadas. "O Diálogos para a Ação se propõe à reflexão. Neste momento em que o sistema financeiro faz graves imposições aos bancários, como o cumprimento de metas abusivas e a superação diante de uma rotina extenuante de trabalho, cabe a nós disputar a consciência do trabalhador e mostrar que a saída está na luta coletiva", salientou o dirigente.

Juberlei disse que o debate sobre Previdência deve ser prioridade para as ações do movimento sindical em 2009. "Sabemos que há dificuldade de discutir este tema e do número de bancários com tempo de contribuição suficiente, mas não se aposentam porque perdem com a aplicação do Fator Previdenciário", observou.

Após a constituição da mesa de trabalhos, integrada pelo diretor de Formação do Sindbancários, Ronaldo Zeni e pelo diretor executivo da Feeb/RS, Amaro Souza, ocorreu um painel com o deputado federal, Pepe Vargas (PT/RS). O parlamentar é o relator do projeto que extingue o Fator Previdenciário na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara Federal.

Pepe iniciou sua explanação fazendo uma análise sobre a Reforma da Previdência introduzida pelo governo Fernando Henrique, em 1998. Em seguida falou detalhadamente sobre as mudanças no projeto que extingue o Fator.

"Desde o mês de dezembro passado fizemos sucessivas reuniões para discutir alternativas com as centrais sindicais. A minha estratégia na relatoria é negociar para que não haja risco de veto do Governo. Esta alternativa deve evitar a manutenção da regra atual, que é muito nociva para os trabalhadores. Não podemos permitir que a nossa Previdência seja regressiva. Ou seja, que aqueles que ganham menos continuem ganhando menos depois de se aposentar", salientou o parlamentar.

Pepe disse que a curto prazo a Previdência no Brasil não é deficitária, mas a longo prazo será preciso financiamento. "O sistema atualmente tem cerca de 28 milhões de beneficiários, sendo que 17,8 milhões de pessoas ganham até um salário mínimo. Por mais precário que seja, o sistema brasileiro é o de maior cobertura previdenciária na velhice da América Latina", afirmou o deputado.

O parlamentar destacou ainda que o atual Governo está provando crescimento econômico e geração de empregos tornam a Previdência viável. "Há poucos anos atrás estávamos lutando e resistindo para não perder direitos. Agora mudou o enfoque, estamos lutando para recuperar benefícios que foram tirados. Temos que fazer um grande processo de educação quanto à Previdência. Ela não é problema mas solução, esta é a realidade. Precisamos aperfeiçoar este sistema sem sombra de dúvida e estamos falando de uma Previdência pública básica para o povo brasileiro", concluiu o parlamentar.

O relatório do substitutivo ao projeto que propõe o fim do Fator Previdenciário, do senador gaúcho, Paulo Paim (PT), será entregue ainda na primeira quinzena de abril à Comissão de Finanças e Tributação. Em seguida a matéria segue para a Comissão de Justiça e para votação em plenário.

*Marisane Pereira/Assessoria de Imprensa – Feeb/RS

Veja outras notícias

Caixa divulga editais para dois novos concursos com 4 mil vagas

A Fundação Cesgranrio é a banca responsável pela organização do processo seletivo. As inscrições começam no dia 29 de fevereiro, e as provas serão aplicadas em maio. A Caixa Econômica Federal divulgou nesta quinta-feira (22) os editais de dois novos concursos...